O Bom pastor e seus comentários

O Bom pastor e seus comentários

terça-feira, 27 de junho de 2017

Atos 18 = Fala e Não Te Cales!



®   Atos 18: Fala e Não Te Cales.

A segunda viagem missionária chega a seu ponto alto em Corinto. Dois fatos são importantes:

(1) Paulo se entrega ao trabalho missionário de tempo integral após um tempo trabalhando com Priscila e Áquila fazendo tendas (v.5). O trabalho missionário poderá exigir de nós adaptações a fim de que a obra do Senhor prossiga e progrida. A manutenção diária nunca será uma tarefa fácil para quem atendeu ao chamado para ir adiante levando o evangelho da graça. Notemos, no entanto, que essas adaptações devem ter caráter temporário, pois a dedicação de tempo integral é o determinado por Deus. Precisamos estar precavidos e conscientes de que o temporário não venha a se tornar definitivo. Ainda que Fazedores de Tendas seja uma estratégia válida e necessária na concretização do trabalho missional, não é o ideal para o trabalho pastoral posterior quando a igreja já estiver estabelecida.

(2) Paulo se volta integralmente ao trabalho dentre os gentios (v.6). A partir de Corinto é que Paulo se torna de fato o Apóstolo aos gentios, levando o evangelho de forma convicta e ousada ao mundo fora dos contornos judaicos. Nesses tempos de tolerância intolerante aos cristãos é importante conscientizar-se de que as demandas da obra evangelística não diminuem porque o mundo se tornou mais cínico para com o trabalho missionário cristão. Os portões de bronze e as trancas de ferro sempre estiveram adiante de nós; todavia, entre nós e estes está o Espírito Santo que nos capacita com poder para sermos testemunhas de Cristo aonde quer que formos enviados! (Atos 1.8).

Corinto exigiu bastante tempo, pois houve muita oposição, mas também houve muitos frutos. Devemos atentar para que os tumultos da plantação de uma igreja não se tornem características da personalidade dessa mesma igreja por associação. A agitação da sociedade coríntia parece ter contaminado a igreja com uma agitação que sempre gerou preocupação com aquela igreja (Paulo no Novo Testamento e Clemente de Roma no período pós-apostólico).

Por outro lado, a oposição não pode silenciar a evangelização. A escassez de recursos não deve paralisar o trabalho. Dificuldades e oposição não definem se um trabalho é promissor ou não, pelo contrário, são fatores determinantes da nossa perseverança, pois Deus é o provedor do sucesso da sua obra!

Deus disse a Paulo: “Não temas; pelo contrário, fala e não te cales; porquanto eu estou contigo, e ninguém ousará fazer-te mal, pois tenho muito povo nessa cidade” (Atos 18.9,10).

Dois missionários presbiterianos pregaram o evangelho numa cidade do interior de São Paulo por vários dias sem muito sucesso, conseguindo apenas vender 20 Bíblias para algumas famílias. Na saída da cidade, um deles bateu seus pés no chão a fim de sacudir a poeira da cidade. O outro retrucou imediatamente: “Não podemos ignorar uma cidade onde há 20 Bíblias trabalhando”. Algum tempo depois, outros missionários voltaram àquela cidade e uma igreja foi definitivamente plantada ali para a glória de Deus!

Com amor, Pr. Helio.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...